NutriScreen
Mais Informações
Flyer Informativo
Nutriscreen
Partilhar
O NutriScreen analisa os níveis de várias moléculas dependentes da alimentação. Estas moléculas, quando em carência ou em excesso, estão associadas a problemas de saúde (fadiga anormal, perturbações do humor, perturbações do sono) e a um risco acrescido de doenças, ditas da civilização, tais como as patologias cardiovasculares, o cancro, a depressão, a inflamação, entre outras.
Os resultados do NutriScreen permitem aconselhar, de uma forma personalizada, sobre a correcção de hábitos alimentares e, se necessário, sobre a toma de suplementos para obter um estado de saúde óptimo.

São analisados vários parâmetros importantes, reconhecidos e utilizados na medicina preventiva e/ou anti-envelhecimento:

Ácidos gordos eritrocitários  
Os ácidos gordos polinsaturados desempenham funções muito importantes para a nossa saúde. São uma fonte de energia para o nosso organismo, necessários na formação de membranas celulares, na transmissão de sinais eléctricos – uma membrana flexível favorece a passagem dos neurotransmissores nas sinapses nervosas.

Os ácidos gordos em excesso são armazenados de imediato no nosso organismo. Neste caso, produzirão uma série de condições bem conhecidas: obesidade, níveis de colesterol e de triglicéridos elevados. Estes factores estão ligados ao risco de doença cardiovascular. Além disso, os níveis elevados de alguns ácidos gordos vão originar substâncias que induzem estados proinflamatórios no organismo que estão relacionados com psoríase, artrite, eczema atópico, colite ulcerosa, e fibromialgia.

A nossa alimentação é frequentemente pobre, e de uma forma particular, em ácidos gordos polinsaturados (ómega 3). Este tipo de gorduras, especialmente presentes nos peixes gordos, exerce uma actividade anti-inflamatória e anti-agregante. De um ponto de vista global do paciente, a correcção do seu défice, faz parte de uma abordagem racional, por exemplo, da depressão e das doenças cardiovasculares.

O stress oxidativo é um dos mecanismos implicados no processo de envelhecimento, causado por um excesso de radicais livres. O seu papel é também invocado entre os factores etiológicos das doenças auto-imunes. Está presente em todas as doenças inflamatórias.

8-OH-Deoxiguanosina: a lesão do ADN por radicais livres pode induzir mutações espontâneas que podem ter um papel importante na carcinogénese e no envelhecimento.

Anticorpos anti-LDL oxidados: o LDL oxidado comporta-se como um antigénio não reconhecido pelos receptores de membrana, sendo fagocitado pelos macrófagos e depositado na íntima vascular originando aterosclerose.

O zinco e o selénio, cofactores de enzimas anti-oxidantes, ajudam a neutralizar o mecanismo dos radicais livres.
O cobre, metal pró-oxidante, em excesso acentua os processos de inflamação e de oxidação.

A homocisteína é um factor de risco cardiovascular. Pode reflectir o défice das vitaminas do grupo B.

NutriScreen deve ser feito por todos os pacientes que dão valor à sua saúde e bem-estar.

Crianças, adolescentes, adultos e idosos: em todas as fases da vida.

Um resultado normal motiva a pessoa a continuar com os hábitos alimentares correctos. Pelo contrário, um resultado alterado permite estimular o paciente a adoptar medidas alimentares e físicas saudáveis.

Estas alterações no estilo de vida são necessárias para a redução do risco de doenças, ditas da civilização, mas também para a recuperação de uma saúde óptima.

Para a realização do NutriScreen são necessárias 2 amostras, uma de sangue e uma de urina (kit específico).

Perfis disponíveis:
-
NutriScreen
- NutriScreen + Metabolitos Órganicos Urinários

Labco Diagnostic Network     Copyright © 2009-2017 Labco. Todos os direitos reservados.
criado por mediadetails - comunicação interactiva